Fechar

A Lan­chonete é um espaço de comida rápida (fast food) tradi­cional de ham­búr­gueres pequenos (smashed burg­ers), lanches de qual­i­dade, sim­ples e preços hon­estos.

A con­cepção do pro­jeto se deu a partir da trans­posição do con­ceito amer­i­cano tradi­cional pela arquite­tura brasileira dos anos 60 e 70. Décadas de tran­sição entre o mod­erno, em sua ver­tente bru­tal­ista com estru­turas expostas e mate­ri­ais orig­i­nais, e o pós-mod­erno, no uso da tec­nolo­gia de novos mate­ri­ais, que descom­bi­nam formas, cores e tex­turas.

O pro­grama de neces­si­dades é sim­ples e com­preende um pequeno salão com atendi­mento ao cliente, equipa­men­tos para autosserviço e uma grande mesa com­par­til­hada; a coz­inha de pro­dução, preparo e mon­tagem, além do estoque frio e seco. O ban­heiro é de acesso comum entre clientes e fun­cionários e tem sua cir­cu­lação definida através de uma grande cortina ver­melha, que mantém a salu­bri­dade da coz­inha, traz transparên­cia no processo de preparo e per­mite uma planta total­mente aberta e fluida para a pro­dução, fora do horário com­er­cial.

Ficha Técnica

Obra Civil: MF Engen­haria
Mobil­iário: Cole­tivo AU
Equipa­men­tos: Alfatec
Cortina: CIG soldas
Fotos: Filipe Mar­ques e Bleia
Ilus­trações: Ana Clara Pel­le­grino

Matérias
O Globo